Um museu para a criança que sou

 

Um museu para o cheiro de grama molhada, para a sensação de pisar o barro.

Um museu para a primeira boneca, para o primeiro dia de aula, para o primeiro gol na pelada de rua.

Um museu para a alegria das manhãs, para o riso, para a memória, para a saudade.

Um museu que eternize a infância não com a distância da vida que ventou e do tempo que passou, mas com a proximidade de saber que nós vivemos e brincamos tudo aquilo.

E que também por isso somos quem somos.

Daí que fizemos um museu assim, pra entrar sorrindo e sair menino. Um museu para quem já foi criança e fez da boneca a melhor amiga, da bola de gude a maior conquista, de cada jogo uma aventura.

Um mundo para viver o lúdico. O Museu dos Brinquedos.

Toc toc toc

Nossa sede

Uma casa bonitinha em uma avenida grandona, com nome de presidente. Tem quintal, tem olho que brilha, tem educação, cultura e lazer.

A casa é do patrimônio histórico da cidade de Belo Horizonte e de quem sabe brincar. E é também de quem quiser pesquisar, preservar e divulgar a brincadeira e o jogo.

São 5 mil brinquedos no acervo e 800, de diversos países, em exposição permanente. Agora falta contar quantos sorrisos eles despertam.

*Para conhecer melhor o acervo, acesse o link http://www.museudosbrinquedos.org.br/acervo/

História

Eu fui na casa da vovó luiza

O Museu dos Brinquedos era um museu sem casa. Mentira. Era um museu que morava no coração de uma menina sem idade.

De 1986 a 1999, Luiza de Azevedo Meyer fez exposições itinerantes em shoppings, casas de cultura e galerias de arte.

Ela, que nasceu em São João Del Rey no ano de 1912, sempre soube que o brinquedo é pavio da memória e centelha da alegria. Guardou os seus, os dos seus dez filhos e ainda os dos seus 23 netos. Pesquisou, foi atrás, conseguiu outros e plantou a semente de um lugar especial.

Quando Luiza foi brincar com as estrelas em 2000, a família e amigos prosseguiram com o sonho e criaram o Instituto Cultural Luiza Azevedo Meyer. Em outubro de 2006, o sonho virou Museu dos Brinquedos.